.

ARCOIRIS

.

Vive-se atualmente um período de extravagância e do gozo imediato. Cultua-se o exibicionismo, a ostentação, a artificialidade, a hipocrisia, a riqueza material, os relacionamentos rápidos e superficiais.

O ritmo acelerado da tecnologia, da comunicação via internet através das chamadas redes sociais, faz do homem um escravo, um dependente do aparelho celular. O importante é estar conectado e se comunicar, sem atentar ao que se está comunicando e a quem.

Os jovens e as crianças são os principais alvos, atraídos e manipulados pela indústria do entretenimento. Ainda em fase de formação são ludibriados num mundo de faz-de-conta, de facilidades, de ilusões. Sentem-se perdidos em meio a um bombardeio de informações manipuladas ou de má qualidade, ora para atender interesses econômicos inescrupulosos, ora por seu conteúdo antiético.

A cultura e a arte foram destroçadas pela mídia que impõe ao público o gosto pelo vulgar, pelo grotesco e pelo erótico. Estimula-se a drogadição, a falsa cultura e a arte medíocre.

Joanna de Ângelis, no livro TRIUNFO PESSOAL, psicografado por Divaldo Franco, adverte que “A apologia da insensatez produzida pela mídia alucinada perverte a identidade do indivíduo”.

O cenário é bastante pessimista e pergunta-se: qual o futuro da humanidade? O que acontecerá daqui a alguns anos se o homem continuar a cultuar o materialismo, o prazer dos sentidos físicos e o imediatismo a qualquer preço?

.

tpe

.

O orbe terrestre está atravessando um período de transição, que não se constituirá apenas de abalos físicos. A transição caracteriza-se também por ser um período de grandes danos morais à humanidade. É o que se afirma no livro AMANHECER DE UMA NOVA ERA, do espírito Manoel Philomeno de Miranda e psicografia de Divaldo Franco: “O fim do mundo de que falam as profecias refere-se àquele de natureza moral”.

Os sofrimentos morais decorrem da ganância e do prazer dos sentidos, pois a humanidade está mais preocupada com a evolução tecnológica do que com a evolução moral.

A decadência moral e espiritual reflete-se também na política e na economia: as desigualdades sociais, a indiferença dos poderosos, a má utilização dos recursos públicos, a corrupção…

Ainda no livro de Manoel Philomeno revela-se que “O culto do prazer sob todos os aspectos considerados, ultrapassa tudo quanto sucedeu no gênero até o momento nos diferentes períodos da história”.

Como consequência, o planeta está envolto em pesada e terrível poluição de ordem moral, que contagia e impregna as mentes com seu alto teor vibratório.

Suely Schubert, na obra TRANSTORNOS MENTAIS, esclarece que “Mentes inquietas, imaturas, invigilantes, desequilibradas, absorvem os poluentes morais, que despertam os instintos, açulam as emoções inferiores, deixando as criaturas entregues às sensações primitivas como se usufruí-las fosse o único móvel da vida”.

.

transt

.

A sociedade imediatista elege como vencedores aqueles indivíduos que tripudiam sobre os fracos, que ganham muito dinheiro, que fazem muito sucesso, que ditam a moda, que tem muitos “seguidores” nas redes sociais… Valores como honestidade, caridade, gentileza, humildade são relegadas por esta sociedade frívola e preconceituosa.

Joanna de Ângelis ensina ainda, na obra citada anteriormente, que “Essa é uma cultura perversa que leva à hediondez, porque mata os sentimentos de solidariedade, da alegria de viver, do interesse coletivo, da fraternidade”.

Apesar de todo esse cenário atual deve-se procurar, através do trabalho e da oração, a sintonia com o mestre Jesus, seguindo suas palavras: “orai e vigiai”, pois ele é misericordioso e ama a todos sem distinção.

O espírita amparado na doutrina consoladora não deve prescindir da esperança e do otimismo, pois sabe, através das diversas mensagens mediúnicas, que após o período saneador, a Terra progredirá imensamente na escala dos mundos. De mundo de Expiação e provas, passará a mundo de Regeneração, seguindo depois ao patamar de mundo Feliz, onde o bem prevalecerá sobre o mal.

.

mregenera

.

No mundo Regenerado, será percebida a mudança de atitude das pessoas, o amor ensinado pelo mestre Jesus começará a fazer parte dos lares, das escolas, dos ambientes de trabalho, estando amplamente presente no cotidiano das pessoas.

As atuais manifestações em favor da Paz não serão mais necessárias, pois a Paz permeará todas as nações.

A cultura ganhará em beleza e sensibilidade. O gosto por músicas vulgares e com mensagens distorcidas dará lugar ao gosto pela música de qualidade mais elevada.

Os filmes retratarão a violência e a perversão como coisas do passado.

A mídia irá promover a solidariedade e a caridade, noticiando majoritariamente notícias boas.

A desigualdade, a corrupção, o preconceito e a estupidez passarão. Viverá, na Terra Regenerada, a fraternidade entre todos os povos, onde o homem substituirá o materialismo pela espiritualidade.

Não será ainda a felicidade perfeita, pois o homem ainda é carne e há ainda provas a suportar, mas como afirma Santo Agostinho, em O EVANGELHO SEGUNDO O ESPIRITISMO, os mundos Regeneradores “Comparados à Terra, (…) são muito felizes, e muitos de vós ficariam satisfeitos em aí se deterem, porque é a calma depois da tempestade, a convalescença depois de uma cruel moléstia; mas o homem, menos absorvido pelas coisas materiais, entrevê, melhor que vós, o futuro”. Um mundo melhor virá! Procuremos nos melhorar para merecê-lo. Que Jesus e Kardec continuem em nossas vidas. Fiquem com Deus.

.

jkriso

* AS IMAGENS SÃO ESCOLHA E RESPONSABILIDADE DESTE BLOG

.

.

julinho1 Julio Rego é graduado e pós graduado em História. Editor do CH Notícias – Jornal Espírita da Casa dos Humildes – Recife/PE. julioregojr@bol.com.br /blogchnoticias.blogspot.com.br

.

.

brunooyellowMeus queridos amigos e irmãos, é com um prazer imenso e uma satisfação profunda n’alma que trago até vocês o primeiro artigo para o nosso blog do meu querido amigo e irmão, dessa e de outras vidas, Julio Rego Cavalcanti. Julinho é um historiador nato, vocacionado, um instigante amante da pesquisa e dos fatos, trazendo sua colaboração valiosíssima para o nosso, às vezes tão descansado, em termos de pesquisa, movimento espírita. Mas aqui, hoje, Julinho faz uma grande reflexão sobre o momento tão tremendo quão vivicante dos dias que estamos a viver, os dias da Grande Transição. Será uma honra e felicidade contar com uma colaboração deste quilate para os artigos  que advirão, de agora em diante, das mãos do querido prof. e mestre Júlio Rego Cavalcanti, para gáudio todos nós.

Gratidão, querido irmãozão Júlio! Estamos juntos e unidos pelo nosso ideal!

Que Jesus o abençoe!

Bruno Tavares

chverde1

.

encinv

.

.

A MENSAGEM DE HOJE NO BLOG

.

 chverdec1

QUADRO DO PINTOR PERNAMBUCANO

ANTÔNIO CARLOS CASTANHA TAUA GOMES

abrunofclarablogbrilho

.

Francisco e Clarinha de Assis

Patronos deste Blog

.

fcc

.

.

.brunovg

carinhachn

.

.

cqchcc

.