uced.

.

EDETER

.

Educação para Eternidade: Série de Artigos

.

Educação para Eternidade é um termo apresentado no Livro Libertação (1949 p.29) psicografado por Francisco Cândido Xavier ditado pelo espírito de André Luiz.  Esse termo nos alerta para existência de uma educação voltada para a evolução espiritual.

Léon Denis inicia a introdução do Livro: O Problema do Ser, do Destino e da Dor (1922 p. 05) constatando que o pensador ao se debruçar sobre os assuntos da vida depara-se com o que ele chama de: Uma dolorosa observação. Essa dolorosa observação advém do reconhecimento de que “o ensino ministrado pelas instituições humanas, em geral — religiões, escolas, universidades —, nos faz conhecer muitas coisas supérfluas, em compensação quase nada ensina do que mais precisamos conhecer para encaminhamento da existência terrestre e preparação para o Além”.

.

DLQ

.

É importante salientar que nas escolas e universidades muitas pautas de caráter sociais, vêm sendo desenvolvidas em formato de grupo de estudos. Como por exemplo, os estudos de igualdade de gênero, a humanização nas áreas voltadas a saúde e a tolerância religiosa. Entretanto, muitos desses grupos ainda não atinaram para a necessidade de elencar em suas pautas, a hipótese do sujeito social enquanto ser eterno que possui um passado (de onde veio?), um presente (por que está aqui?) e um futuro (para onde vai?) na eternidade.

Por esta razão, é importante compreender que a educação para a eternidade é gestada no acumulo de experiências e conhecimentos adquiridos ao longo de nossa existência. Todavia, se faz jus alertar que mesmo que as instituições responsáveis pela formação do indivíduo, ainda não tenham ajustado a direção do farol e potencializado a carga de luz com capacidade de ultrapassar as barreiras da ilusão material e as figuras alegóricas históricas. Ainda assim, a Espiritualidade Superior executa todos os dias a missão que lhe compete, fazendo chegar a cada um de nós, seja por qual meio for, às verdades eternas que o Cristo nos prometeu quando assim chegasse o momento certo.

.

3ASP

.

Para tanto, no livro Memórias de um Suicida, pelo espírito de Camilo Cândido Botelho, relatado por Yvonne A. Pereira (1954 p.79) nos é concedido a seguinte explicação: “Essa educação orientadora, conselheira, salvadora, […], o homem somente não na tem adquirido no próprio cenário terreno, onde é chamado a realizações imperiosas, porque não a quer adquirir, visto sobejarem em torno de seus passos, no orbe de sua residência, instruções e ensinamentos capazes de conduzi-lo às alvoradas redentoras do Bem e do Dever!”.

Na perspectiva de vida além da vida os ensinamentos do Cristo, em seu verdadeiro sentido, possui a capacidade de nos a conduzir a redenção do Bem e do Dever. Mas, como entender esse verdadeiro sentido? Como aplicar esses ensinamentos se o que nos espera é o nada? Frente a esse cenário de dúvidas e incertezas a Doutrina Espírita vem nos instruir o entendimento de que o nada não existe! E que urge buscarmos nos educar para eternidade construindo planejamentos e metas para além da vestimenta carnal. Tendo a certeza que o nosso futuro está sendo moldado simultaneamente a partir das nossas ações do presente.

Por isso, se faz necessário buscarmos a reflexão do SER, para nos permitir ouvir daquela Sentinela Vigilante,[1] que reside em nosso coração, às respostas para as perguntas que há muito tempo fazemos: Por que estou aqui? E o que devo fazer? Nessa perspectiva, convidamos todos, a buscarem as instruções dos problemas diários da nossa existência, nos conhecimentos eternos os quais nos auxiliarão nas dúvidas e incertezas desse mundo.

.

PPF

.

Leia os artigos da série:
  • Reflexão a luz dos Estudos Espíritas: A indignação popular ante a violência urbana
  • Um Espírito Puro Encarnado na Terra: Jesus segundo o Espiritismo
  • Suicídio Voluntário: Efeito do Mal Sofrer
… Continua.
.
REFERENCIAS
DENIS, Léon. O problema do ser, do destino e da dor. Publicação original: Le problème de l’être et de la destinée. 1922. Editora FEB Versão digital, 2013 – Brasil.
[1] Evangelho Segundo Espiritismo – UM ESPÍRITO PROTETOR – Lyon, 1860.

.

ELISQ

* AS IMAGENS SÃO ESCOLHA E RESPONSABILIDADE 
DE BRUNO TAVARES

.

elis Elisangela Gusmão 

Pesquisadora da Doutrina Espirita, trabalhadora da Associação Espírita Casa dos Humildes, Recife-PE.
Mestra em Extenção Rural e Desenvolvimento Local pela UFRPE. Articulista do blog do Bruno Tavares.
Email: elisgus@gmail.com

.

brunooyellowMeus queridos amigos e irmãos, leiam aí  o artigo maravilhoso da minha querida amiga Elisinha, Elis Gusmão, trabalhadora da nossa querida Casa dos Humildes. Elisinha, aliás, vem apresentar sua série de artigos, alguns já publicados no blog e outros que advirão, numa proposta de Educação para a Eternidade, pedagogia totalmente radicada e inernalizada no espírito imortal e vindo de uma pesquisadora do mundo acadêmico como Elis, não é pouca coisa, é uma porta de esperança que abre-se para um futuro risonho no campo de uma educação holística e social.

Que Jesus abençoe a ti Elisinha e te cubra de bençãos para que não desistas de iluminar-nos com as luzes do teu saber, com a humildade que adorna teu ser!

Que Jesus abençoe a todos nós!

Bruno Tavares

.

.

A MENSAGEM DE HOJE NO BLOG

.

.

FEIRAOE

.

.

chverdec1

QUADRO DO PINTOR PERNAMBUCANO

ANTÔNIO CARLOS CASTANHA TAUA GOMES

abrunofclarablogbrilho

.

Francisco e Clarinha de Assis

Patronos deste Blog

.

fcc

.

.

.brunovg

carinhachn

.

.

cqchcc