.

.

marlenejesusbezerra

.

A Associação Médico-Espírita do Brasil (AME-Brasil) foi fundada em São Paulo, em 17 de junho de 1995, durante o Mednesp, o 3º Congresso Nacional de Médicos Espíritas, realizado pela Associação Médico-Espírita de São Paulo, instituição pioneira que existe desde 30 de março de 1968 no Estado economicamente mais importante do País.

No início da década de 90, só funcionavam no Brasil a AME-São Paulo e a AME-Minas Gerais, fundada neste outro Estado brasileiro em 18 de abril de 1986. Mas foi a partir de maio de 1991 que começaram a ser realizados eventos de âmbito nacional, com a finalidade de congregar colegas de vários Estados do Brasil. Com a realização dos congressos nacionais, denominados de Mednesp, outras AMEs surgiram. Em 1995, nove delas já participavam do evento, reunindo, então, seus esforços na constituição da entidade nacional. Assim, a AME-Brasil foi fundada pelas AMEs Bahia, Ceará, Campina Grande, Espírito Santo, Minas Gerais, Rio Grande do Norte, Pernambuco, Piauí e São Paulo.

Além das já citadas, existem atualmente no Brasil as AMEs estaduais em Alagoas, Amazonas, Goiás, Maranhão, Mato Grosso do Sul, Pará, Paraíba, Paraná, Rio de Janeiro, Sergipe, Santa Catarina e Rio Grande do Sul, além das regionais: Santa Maria, Santo Ângelo e Bagé (Rio Grande do Sul), Araraquara, Bauru, Baixada Santista, Marília (São Paulo), Friburgo (Rio de Janeiro), Juiz de Fora (Minas Gerais) e Londrina (Paraná), totalizando 31 entidades no País e que fazem parte da AME-Brasil.

.

sesp5

.

A Associação Médico-Espírita do Brasil tem por missão básica congregar todas as AMEs do País e contribuir para o estudo e a pesquisa científica no âmbito da Medicina e do Espiritismo, promover a difusão do paradigma médico-espírita, através do ensino e dos meios de comunicação, de livros e outras publicações; contribuir para a implantação desse paradigma, tanto nos cursos de formação médica, quanto em outros; e incentivar o médico espírita no cumprimento de sua missão humanitária, apoiando as instituições beneficentes que visem à melhoria da saúde da coletividade, sobretudo, a dos mais carentes. 

Para isso, a AME-Brasil vem realizando congressos nacionais e internacionais. Por exemplo, reuniu cerca de 2.000 pessoas no IV Congresso Nacional e I Congresso Internacional de Médicos Espíritas, em São Paulo (Brasil), no qual lançou várias publicações, entre elas, o seu segundo livro, Medicina e Espiritismo, e dezenas de vídeos com cursos e palestras. No evento, além dos temas para o grande público, promoveu o Fórum Interno, com assuntos específicos para as AMEs, abrangendo desde questões bioéticas à melhor forma de funcionamento para alcançar seus objetivos. Tem também um Boletim Informativo e um programa de TV, Portal de Luz, que aborda Saúde e Espiritualidade para o público em geral.

Nos cargos de diretoria das AMEs só há médicos, mas muitas associações possuem departamentos diferenciados, como os de Psicologia, Física e outros, que funcionam com seus regimentos internos e se integram perfeitamente ao trabalho, dentro do conceito holístico que as entidades abraçam, fazendo parte das equipes multidisciplinares, necessárias aos estudos, pesquisas e atividades em andamento.

.

sesp7

.

As AMEs no Mundo

.

Com a concretização da AME-Brasil, foi criada em 1999, durante o I Encontro Internacional de Médicos Espíritas, a Associação Médico-Espírita (AME) Internacional. Participaram representantes de seis países: Panamá (dra. Maria de La Gracia de Ender), Portugal (drs. Francisco José e Isabel Ribeiro), Argentina (drs. Sabino Antonio de Luna e Daniel Gomez Montanelli), Colômbia (dr. Fábio Villarraga), Guatemala (dr. Edwin Bravo) e Brasil (dra. Marlene Nobre e dr. Roberto Lúcio Vieira de Souza), hoje, responsáveis pelas entidades nacionais e que congregam a AME-Internacional. 

“Nosso movimento é muito recente, ainda estamos em fase de estruturação e sedimentação, mas podemos dizer que cada AME tem características próprias. Já temos publicações, cursos, simpósios, congressos, atividades hospitalares e ambulatoriais que mesclam Medicina e espiritualidade, nas quais a prioridade é respeitar a religião do paciente. Apesar de raros, há também projetos de pesquisa. Publicamos também livros e boletins informativos, participamos de campanhas contra o aborto, a eutanásia, as manipulações genéticas com finalidade eugênica, entre outras”, declara Marlene Nobre, presidente da AME-Brasil e AME-Internacional.

Ao citar o escritor francês Vitor Hugo, que declarou que “não há força, não há exércitos neste mundo, que possam segurar uma idéia, cuja hora já é chegada”. Marlene também afirma: “chegou a hora da Medicina Espiritual”.

A AME procura levar a alma para a Medicina, em seu duplo sentido. Estuda, pesquisa e procura comprovar a existência do espírito imortal e, ao mesmo tempo, ressalta o valor do calor humano, da solidariedade, no amparo ao paciente.

.

sesp8

.

brunooyellowMeus queridos amigos e irmãos, eis aqui um artigo importantíssimo para a História do Espiritismo e como documento para o nosso próprio movimento espírita.

Na minha modesta opinião a AME-Brasil é o Case Espírita que vem com sua atuação dar cumprimento a antevisão de Kardec, da união da Ciência com a Religião, inaugurando uma Nova Era para a humanidade.

As AMES vêm comprovando o relicário de verdades científicas que é a obra do espírito André Luiz recebida pela mediunidade do querido Chico Xavier, por exemplo, e isto não é pouco, é um dos seus imensos contributos ao conhecimento universal, inaugurando uma Nova Cultura Científica Espiritual..

Que Jesus abençoe à querida Dra. Marlene Nobre, onde quer que esteja, verdadeira pioneira na terra do trabalho dos luminares do espaço, capitaneados pela figura apostolar do Dr. Adolfo Bezerra de Menezes! 

Que Jesus abençoe a todos nós! 

Bruno Tavares

.

.

.

amebm1

AS IMAGENS E VÍDEOS SÃO ESCOLHA E
RESPONSABILIDADE DE BRUNO TAVARES

.

.

CH53ANOS

 .
.

 chverdec1

.

QUADRO DO PINTOR PERNAMBUCANO 

ANTÔNIO CARLOS CASTANHA TAUA GOMES

bfcblog1

.

Francisco e Clarinha de Assis

Patronos deste Blog

.

fcc

.

.

cqchcc