.

.

bbtcasal

.

É possível alguém esperar o seu cônjuge, no mundo espiritual, para reencarnarem juntos? Podemos defender a idéia de que, o nosso parceiro ou parceira, desencarnando antes de nós, irá nos esperar para uma nova reencarnação?

A aceitação desta tese leva-nos à seguinte pergunta: com que direito podemos prejulgar os desígnios de Deus a nosso respeito? Há muitas comunicações mediúnicas sobre a mudança que opera na mente dos Espíritos, depois que estes adentram o mundo dos desencarnados.

Enquanto encarnados, tinham uma percepção de vida, avaliavam as coisas segundo a influência da matéria grosseira. Quantos, depois que passaram para a outra dimensão da vida, não mudaram completamente o seu modo de pensar. Sem as limitações da matéria, ampliaram a sua visão de mundo.

.

conj1

.

Como prever o futuro, como prejulgar o que está fora do nosso controle? Baseado em quê? Em opiniões, em interesses pessoais?

No Espiritismo, aprendemos que não devemos pensar segundo o nosso ponto de vista, segundo as nossas opiniões, segundo o ouvir dizer, mas segundo o conteúdo doutrinal, trazido pelos Espíritos superiores, e codificado por Allan Kardec.

Crer que uma pessoa decidiu não reencarnar e esperar por seu grande amor, que ainda se encontra na carne, para futuramente, reencarnarem juntos, é apenas uma opinião. Não tem cunho doutrinário. Não pode ser, assim, uma premissa espírita.

.

casalv

.

Além do mais, a Doutrina Espírita nos ensina que os Espíritos mais evoluídos têm algum poder sobre a escolha da sua reencarnação.

Mesmo assim, há diversas instruções acerca do que é melhor para eles. Os menos evoluídos têm que aceitar as determinações do Alto, porque devem refazer o passado, na maioria das vezes, delituoso.

Paulo dizia-nos que deveríamos ler de tudo, pensar em tudo, mas recomendava-nos ficar com o que fosse bom. Escolhamos, assim, o substancioso e deixemos de lado o supérfluo, o conhecimento baseado apenas em nossas opiniões.

.

sbg

.

brunooyellowMeus queridos amigos e irmãos, trago aqui para a apreciação de vocês este artigo do querido confrade espírita, escritor e orador, Ségio Biaggi Gregório. Sérgio foi presidente do Centro Espírita Ismael, em Jaçanã, SãoPaulo-SP – o que significa quatro mandatos de 3 anos cada, no total de 12 anos. Mas Sérgio não deixou a sua Casa Espírita, onde guarda o maior amor e carinho em mais de três décadas de trabalho. Sempre dedica o seu tempo como trabalhador e voluntário. Ao mesmo tempo, o Sérgio é um grande pesquisador e estudioso da Doutrina Espírita.

Sérgio Biaggi Gregório é fonte de várias publicações espíritas como referência em entrevistas sobre os mais variados temas. Articulistas famosos também colocam em seus textos ou palestras referências aos seus estudos e conclusões. 

Aqui ele, de forma agradabilíssima, escreve sobre um tema interessantíssimo: “Espera do Cônjuge para Reencarnar”, o qual indico para leitura de todos.

Que Jesus abençoe você, querido Sérgio Biaggi Gregório, para que continues longamente a nos brindar com os frutos de suas pesquisas e reflexões! 

Que Jesus abençoe a todos nós!

Bruno Tavares

.

.

.

casaalém

AS IMAGENS E VÍDEOS SÃO ESCOLHA
E RESPONSABILIDADE DE BRUNO TAVARES

.

.

btcasal

 .
.

chverdec1

.

QUADRO DO PINTOR PERNAMBUCANO
ANTÔNIO CARLOS CASTANHA TAUA GOMES

bfcblog1

.

Francisco e Clarinha de Assis

Patronos deste Blog

.

fcc

.

.

cqchcc1

.

.